ST Corretora

Notícias

Confira alguns dos vários lançamentos programados pela indústria automotiva no Brasil em 2018

09-01-2018


Quem vai se dar bem no mercado de automóveis no ano que se inicia na segunda-feira? As montadoras preparam suas apostas e esperam resultados melhores do que os obtidos em 2017. E por mais que os SUVs sejam uma verdadeira coqueluche, os hatches ainda respondem por quase metade do mercado de automóveis no Brasil. E não vai faltar novidades neste segmento em 2018. A quarta geração do Ford Focus deve dar as caras em janeiro, no Salão de Detroit. Na dianteira, o modelo passa a ficar mais parecido com a nova geração do Fiesta europeu, com faróis e grade maiores. No geral, o modelo ganhou linhas mais esportivas. Mas o melhor está na traseira, com uma bela lanterna com efeito tridimensional que invade a tampa do porta-malas. O modelo ganha nova plataforma e pode vir para o Brasil com motor 1.5 turbo.

IMAGEM REVELADA


O Renault Sandero passa por reestilização em 2018. Imagens registradas no Instituto Nacional de Patentes Industriais (INPI) mostram a nova cara do hatch de origem romena. A dianteira tem nova grade, para-choque e faróis. Já a traseira passa por uma mudança mais radical, com a lanterna de orientação horizontal. O conjunto mecânico deve continuar o mesmo.


A Toyota também trará novidades neste segmento, com a chegada do Yaris hatch e sedã. O modelo usa a plataforma do Etios com algumas melhorias, principalmente no quesito segurança, e traz o mesmo motor 1.5 16V de 107cv, associado ao câmbio CVT.

COMBATE PESADO

Mas briga boa mesmo será travada no segmento dos sedãs compactos, que aguarda a chegada do Volkswagen Virtus, com lançamento marcado para janeiro, e do Fiat Cronos, em fevereiro.


Derivado do novo Polo, o três-volumes da marca alemã terá medidas um pouco maiores do que as do hatch, com 2,65m de distância entre-eixos e 4,48m de comprimento. O volume do porta-malas será de 521 litros, compatível com um modelo deste segmento. As motorizações previstas são a 1.6 MSI de 117cv e o 1.0 TSI de 128cv, com câmbios manual de cinco marchas e automático de seis velocidades.


Já o Fiat Cronos não nega a sua origem vinda do Argo, mas traz algumas diferenças em relação ao hatch. O sedã compacto tem para-choque dianteiro diferente e alguns elementos cromados, que tentam transmitir uma ideia de sofisticação. Com a distância entre-eixos maior do que a do Argo, o Cronos teve as portas traseiras redesenhadas, para facilitar o acesso ao banco traseiro. A Fiat ainda não divulgou o volume do porta-malas, mas acredita-se que vai superar os 500 litros. O modelo chegará ao mercado com os motores 1.3 de 109cv e 1.8 E.torQ de 139cv, com câmbios manual e automatizado de cinco marchas e automático de seis velocidades. Os preços do Virtus e Cronos devem oscilar entre R$ 55 mil e R$ 80 mil.

PEQUENO E MÉDIO


Outro sedã compacto que tem chegada prevista para março é o Honda City renovado. Assim como o Fit, o modelo terá novos para-choque e grade frontal, além de faróis com luzes diurnas de LED. O motor é o 1.5 de 116cv, que pode ser associado ao câmbio manual de cinco marchas ou automático do tipo CVT.


Já no segmento dos sedãs médios, a expectativa gira em torno da chegada da nova geração do VW Jetta, que deve ocorrer no segundo semestre de 2018. O modelo será apresentado no Salão do Automóvel de Detroit, em janeiro, e terá dimensões um pouco maiores e uma proposta mais sofisticada. Mas a cereja do bolo do novo Jetta será o motor 2.0 TSI de 220cv, o mesmo que equipa o Golf GTI.

MAIS SUVS

E as novidades da Volkswagen para o Brasil não param por aí. A montadora pretende promover a reestilização do Golf trazendo as versões GTE híbrida e a elétrica E, já a partir de março. E no segundo semestre já está confirmada a chegada do novo SUV T-Cross, que usa a mesma base do novo Polo e deverá ser equipado com os mesmos motores 1.6 e 1.0 TSI do hatch.

Outro que vai dar as caras no início do ano é o novo Honda CR-V, que ficou mais luxuoso e maior, agora em versão de sete lugares. Para melhorar o desempenho, ganha o motor 1.5 turbo com injeção direta e câmbio CVT, os mesmos do Civic. A Peugeot confirmou a vinda do crossover grande 5008 e do 2008 reestilizado, ambos no primeiro semestre de 2018. Ambos terão o motor 1.6 THP, mas o do 5008 é a gasolina de 165cv e o do 2008 é o flex, de 173cv com etanol.

A Citroën prepara o lançamento do C4 Cactus nacional, que deverá ocorrer também no início de 2018. O modelo terá as opções de motores 1.6 aspirado de 118cv e 1.6 THP flex de 173cv. Já a Kia prepara um pacote de lançamentos, que terá como destaque o crossover compacto Stonic. Equipado com motor 1.0 turbo de 120cv e câmbio automatizado de dupla embreagem, o pequeno promete surpreender no quesito espaço interno. Mas a marca coreana trará ainda o compacto Rio nas carrocerias hatch e sedã, e o Stinger.

Por Enio Greco e Pedro Cerqueira, do Jornal Estado de Minas.