Leilão, alternativa rápida e eficiente para a renovação de frota

Atualizado: 12 de jun.



Imagem: Freepik / Autor: Fantastic Studio


O crescimento exponencial no mercado brasileiro das empresas de locação de veículos, tem se aquecido nos últimos anos. Muitos são os fatores influenciadores como alta de preços dos veículos novos, que impulsionou os alugueis mensalistas, modalidade que tem se popularizado para os consumidores finais, que enxergam a oportunidade de ter um carro a sua disposição, sem investir um alto custo imediato, e se preocupar com seguro, e manutenção do veículo. A alta do dólar também ajudou, elevando significativamente as passagens aéreas e a instabilidade econômica sofrida pelo país nos últimos anos, agravada pela pandemia corroborou ainda mais para que grandes empresas, abram mão da frota própria e optem em trabalhar com veículos locados. Opção que já era realidade de muitas empresas que veem na segmentação do mercado uma opção real de lucros e crescimento. O importante ressaltar que todo este desenvolvimento gera desafios para as locadoras de veículos, com a crescente busca por alugueis, e a mudança dos mesmos para prazo mais longos nos contratos, os veículos são cada vez mais submetidos a um desgaste maior e constante. O que gera a necessidade do aumento da frota e sua renovação de forma ágil. Para tal desafio a segmentação se mostra mais uma vez uma ótima alternativa, dessa vez para as locadoras. Uma opção já comprovada como eficaz no mercado exterior tem se expandido nacionalmente como auxilio para renovação de frota de forma eficiente e lucrativa para as locadoras: O LEILÃO DE VEÍCULOS. O leilão de “bens inservíveis” já popularizado em órgãos públicos, cresce no segmento privado pois delega a gestora de leilão todo o trabalho de avaliação, divulgação, entrega e transferência do veículo. Assim a locadora pode dedicar seu tempo a sua atividade fim, aproveitando o resultado satisfatório do leilão para aquisição de novos veículos. É importante esclarecer o que são bens inservíveis destinados a leilão, o primeiro mito a ser esclarecido é que não se trata apenas de veículos sinistrados, que são comercializados como sucata ou como de pequena e média monta. Mas sim, de todos os veículos que se encontram em condição de não uso por custo operacional da locadora, seja pela alta quilometragem, ou por algum vício de fabricação, estes passam apresentar a necessidade constante de manutenção que na maioria das vezes apresentam um valor agregado nas peças ou mão de obra fora da realidade operacional do mesmo, o que lhe tornam inservíveis dentro do mercado de locação. E é nessa hora que o leilão se torna mais que uma válvula de escape para a locadora, uma solução economicamente rentável, para angariar fundos para a compra de novos veículos. Como a popularização das plataformas E-commerce, cresce a confiança e busca dos consumidores finais e atravessadores de veículos por ofertas em sites de leilão. Diferentemente da locadora, o leilão trabalha com a publicidade direcionada para a venda, e já possui carteiras de clientes, com segmentações múltiplas. Com investimento pesado na captação de novos consumidores, sendo a abordagem final o uso específico que cada tipo de veículo possui. O leilão possui como particularidade preponderante a venda no estado em que se encontra, o que desonera o contratante do leilão de qualquer preparo prévio do veículo antes de disponibiliza-lo para a venda. Diferencial que gera mais rentabilidade para a Locadora compara a uma venda comum com concessionárias e ou revendedores e principalmente retira a responsabilidade da empresa de gerar qualquer garantia sobre o veículo. O valor dos veículos é definido levando-se em consideração a tabela Fipe bem como os valores de referência praticados no mercado. É muito importante considerar que um valor atrativo deve ser atribuído ao bem quando inserido no site. Ao escolher um leiloeiro já consolidado no mercado a locadora pode superar suas expectativas com a realização do leilão, como conta o leiloeiro e diretor do Sindicato dos leiloeiros do Estado de Minas Gerias, Fernando Caetano Moreira Filho. “Atualmente trabalhamos com a média de 300 veículos mês alcançando a venda de 90%. A expansão do leilão online, possibilitou a participação de cliente de todo país de forma simultânea o que elevou consideravelmente as disputas. Cerca de 82% supera a expectativa do comitente, superando até mesmo o valor da tabela Fipe.’’ É importante ressaltar que a homologação da venda é sempre da empresa contratante, e que a venda só é finalizada se esta concordar com o resultado final. Além disso, a gestora de leilão tem como diferencial no processo o acompanhamento no recebimento e repasse dos valores recebidos na venda, além de contar com profissionais despachantes que garantem a transferência imediata dos veículos adquiridos, gerando mais conforto e segurança para as locadoras. O desafio do leiloeiros e gestoras de leilão é desburocratizar ao máximo as rotinas administrativas inerentes ao processo de compra e transferência de veículos, permitindo que cada vez mais brasileiros possam adquirir o sonho do carro próprio, e ampliando o poder de compra pois permite o acesso a veículos em diferentes regiões do país, sendo o pagamento a vista ou financiado. Assim, se a locadora busca facilidade e rentabilidade no o processo de troca de frota, o leilão é sem dúvida uma boa pedida. Para o bom resultado é sempre importante assegurar a credibilidade do leiloeiro matriculado a JUNTA COMERCIAL DO ESTADO, se a plataforma do leilão possui a expertise necessária para alcançar o resultado esperado e está devidamente adequada a todos os critérios da LGBD (A Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, Lei nº 13.709/2018). Feito isso, é possível descansar e esperar os resultados para novos investimentos.


 

Autor:


Fernando Caetano Moreira Filho

Diretor do Sindicato dos Leiloeiros do Estado de Minas Gerais - SINDILEI/MG 20 anos de experiência no ramo da leiloaria com atuação em todos os procedimentos do leilão. LEILOEIRO PARCEIRO DA MGL​LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL JUCEMG 445​LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL ESTADO DO ESPÍRITO SANTO JUCEES 71 LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL ESTADO DE GOIÁS JUCEG 78 LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL ESTADO DO RIO DE JANEIRO JUCERJA 264 LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL ESTADO DE SÃO PAULO JUCESP 1248 LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL DO DISTRITO FEDERAL JUCIS-DF 121 LEILOEIRO PÚBLICO OFICIAL DO ESTADO DA BAHIA JUCEB 21/89193-07

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo