Como sua empresa se posiciona no mercado?

Atualizado: 12 de jun.




Imagem: Freepik / Autor: SodaWhiskey


Uma marca é mais do que um serviço ou um produto, é uma experiência. Construir uma imagem sólida e de sucesso necessita de uma boa gestão de estratégias de marketing, que determinam a identidade da sua empresa. É preciso planejamento e cuidado para que sua marca esteja cada vez mais presente na mente dos consumidores. Não adianta, por exemplo, a empresa possuir um trabalho de exatidão se o cliente entra no site e não encontra essa mesma organização de identidade, ou uma comunicação clara, do seu produto ou serviço.


Pensando nisso, você sabe o que a comunicação e identidade da sua empresa passam para o mercado?


Para iniciar a construção da sua marca, é essencial que você estabeleça seus propósitos. Descubra o porquê de ela existir e defina como ela irá se posicionar. Assim você a humaniza e alinha as expectativas dos clientes. Esse processo pode ocorrer logo no início, mas, se não for o caso, é interessante que você pesquise com os seus consumidores, parceiros e sua equipe para descobrir o porquê escolheram a sua empresa para criar laços.


Depois disso, é necessário partir para a parte visual da sua marca, ou seja, as cores, os símbolos e, também, a forma como sua empresa se comunica. Baseando-se nos conceitos definidos anteriormente, é nesse momento que a identidade visual é criada visando a harmonização com os propósitos de sua marca e com o objetivo de passar sua mensagem ao público.


Vamos escolher um exemplo famoso: a rede de fast-food McDonald's. As cores, por exemplo, são utilizadas não só para atrair a atenção, mas devem ser alinhadas com os objetivos da empresa. O vermelho e o amarelo, mais presentes na identidade, remetem a vibração, energia e alegria. Além de serem associadas ao despertar do apetite, o que é super conveniente utilizar em um restaurante.


Os símbolos e a tipografia também são marcantes, todo mundo reconhece o famoso “M” que lembra uma batata frita. O slogan não fica de fora, o “amo muito tudo isso” é quase que instantaneamente ligado a empresa e também consegue remeter aos atributos que a marca possui.


São detalhes que, juntos, mostram ao mundo a imagem da sua empresa e agregam valor para o seu negócio. É a primeira impressão que o consumidor terá da sua marca. Por isso, a identidade deve ser muito bem planejada para alcançar o seu público e despertar a curiosidade sobre o serviço ou produto que sua empresa oferece.



NA PRÁTICA


Agora que você já entendeu como a identidade visual pode impactar na sua imagem para o mercado, é hora de pensar como isso funcionaria na prática. Imagine que, enquanto passa pela rua, você vê uma vitrine totalmente bagunçada. Você entraria ou não? Acharia que aquela loja possui produtos de qualidade ou muito baratos? E se a vitrine da loja ao lado estiver organizada, qual te convenceria a entrar? É exatamente o que acontece na sua comunicação. Quando tudo é estrategicamente posicionado, e segue uma identidade uniforme, passa mais credibilidade para todos.


Outro ponto a se pensar é a frequência. Se você, em pleno mês de março, passa por uma loja e vê produtos expostos com um tema natalino, teria interesse em entrar e ver o que ela oferece ou acharia que ela está desatualizada? É imprescindível se mostrar atualizado no mercado para que consiga, em meio a tantas opções, se destacar ainda mais!


No fim, são muitos detalhes a se pensar e as variáveis não acabam. Por isso o trabalho de posicionamento da sua marca deve ser feito de forma constante e alinhada com o mercado, transmitindo ao público alvo os seus produtos e serviços de forma clara e objetiva.



 

Autores:


Holden Nunes e Carolina Rabelo

Sócios-diretores da Agência Ouriço

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo